Alimentação escolar e agricultura familiar em municípios do litoral do Rio Grande do Sul

uma análise a partir da percepção das nutricionistas

Autores

Palavras-chave:

Política social, Nutrição, Desenvolvimento sustentável, Alimentação escolar, Agricultura

Resumo

Este estudo teve por objetivo analisar a percepção e a interlocução de nutricionistas em relação à compra de produtos de agricultores familiares para a alimentação escolar em municípios do litoral do Rio Grande do Sul. Trata-se de um estudo qualitativo, realizado em seis municípios, que contou com a participação de nutricionistas responsáveis pela alimentação escolar. Todas relataram uma percepção positiva referente ao Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae), tanto para o agricultor quanto para o município. A articulação frequentemente ocorre por meio da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural, Secretaria de Educação e Secretaria de Agricultura. Citado como uma fonte de alimentos de procedência e inclusão social, o Programa também desenvolve a economia local. As principais dificuldades enfrentadas foram a pequena carga horária para trabalhar no município, a agricultura não ser característica no litoral e a falta de diálogo entre as partes. Assim, para que o Programa seja efetivo, é necessária a colaboração de todos os atores envolvidos, de incentivos e apoio local com atuação ativa e permanente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Arlan Machado Germano, Universidade Federal de Santa Maria, Palmeira das Missões, Brasil

Nutricionista graduado pela Universidade Federal de Santa Maria, campus Palmeira das Missões, Brasil.

Marilene Cassel Bueno, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, Brasil

Nutricionista graduada pela Universidade Federal de Santa Maria (2017), mestre e doutoranda pelo Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Rural da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Atua junto ao Centro Colaborador em Alimentação e Nutrição do Escolar (CECANE/UFRGS) no Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) e no curso de Planejamento de ações de Educação Alimentar e Nutricional (EAN).

Vanessa Ramos Kirsten, Universidade Federal de Santa Maria, Palmeira das Missões, Brasil

Professora Adjunta Nível IV da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Docente do Departamento de Alimentos e Nutrição e do Programa de Pós-Graduação em Gerontologia da UFSM. Atualmente é Coordenadora Substituta do Curso de Nutrição da UFSM e Tutora do PET Saúde Interprofissionalidade (UFSM). Doutora pelo Programa de Pós-Graduação em Saúde da Criança e do Adolescente da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Mestre em Medicina e Ciências da Saúde pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), Especialista em Alimentação e Nutrição na Atenção Básica pela Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP/FIOCRUZ) e Especialista em Nutrição Clínica pela Universidade do Vale do Rio do Sinos (UNISINOS). Graduou-se Nutricionista pelo Centro Universitário Franciscano (UNIFRA). Foi professora assistente dos Cursos de Nutrição da Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA) e da Universidade Franciscana (UFN). Atua principalmente na área: Saúde Coletiva e Políticas Públicas de Alimentação e Nutrição.

Referências

ABREU, Kate Dayana Rodrigues. A implementação do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae) em municípios de pequeno porte: implicações práticas e teóricas. Dissertação (Mestrado em Administração Pública e Governo). Fundação Getulio Vargas. São Paulo – SP, 2014.

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. São Paulo. SP: Edições, v. 70, 2011.

BOSQUILIA, Samira Gaiad Cibim de Camargo; PIPITONE, Maria Angélica Penatti. A soberania alimentar e o Programa Nacional de Alimentação Escolar no município de Piracicaba (SP) – concepções e redefinições. Segurança Alimentar e Nutricional, v. 23, n. 2, p. 973-983, 2016.

BRASIL Ministério da Educação. Lei no 11.947, de 16 de junho de 2009. Dispõe sobre o atendimento da alimentação escolar e do Programa Dinheiro Direto na Escola aos alunos da Educação Básica. Diário Oficial da União, 2009.

BRASIL. Conselho Federal de Nutricionistas. Resolução CFN no 465/2010. Dispõe sobre as atribuições do nutricionista, estabelece parâmetros numéricos mínimos de referência no âmbito do Programa de Alimentação Escolar (PAE) e dá outras providências. Diário Oficial da União, v. 25, p. 118-9, 2010.

BRASIL. Lei no 11.326, de 24 de julho de 2006. Estabelece as diretrizes para a formulação da Política Nacional da Agricultura Familiar e Empreendimentos Familiares Rurais. Diário Oficial da União, 2006.

BRASIL. Ministério da Educação. Resolução no 26, de 17 de junho de 2013. Dispõe sobre o atendimento da alimentação escolar aos alunos da Educação Básica no âmbito do Programa Nacional de Alimentação Escolar – Pnae. Diário Oficial da União. Brasília, DF, 2013.

BRASIL. Ministério da Educação. Cartilha Nacional da Alimentação Escolar. Brasília, 2015.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretária de Atenção à Saúde. Coordenação-Geral de Alimentação e Nutrição. Guia Alimentar para a População Brasileira. Brasília-DF: Ministério da Saúde, 2014.

CAISAN. Câmara Interministerial de Segurança Alimentar e Nutricional. Plano Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional 2016-2019 (II Plansan). Balanço da Execução 2016/2017. Brasília, 2018.

CRUZ, Fabiana Thomé da; MATTE, Alessandra; SCHNEIDER, Sergio (Orgs.). Produção, consumo e abastecimento: desafios e novas estratégias. Porto Alegre (RS): Editora UFRGS, 2016.

FEE – FUNDAÇÃO DE ECONOMIA E ESTATÍSTICA, 2015. Disponível em: <https://www.fee.rs.gov.br/perfil-socioeconomico/coredes/detalhe/?corede=Litoral>. Acesso em: 20 mar. 2017.

FNDE – FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO. Dados da agricultura familiar. Aquisições agricultura familiar, 2014. Disponível em: < http://www.fnde.gov.br/index.php/programas/pnae/pnae-consultas/pnae-dados-da-agricultura-familiar>. Acesso em: 27 maio 2017.

FNDE – FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO. Programa Nacional de Alimentação Escolar – Pnae, [2017]. Disponível em: <https://www.fnde.gov.br/index.php/programas/pnae/pnae-sobre-o-programa/pnae-historico>. Acesso em: 10 maio 2020.

FÜHR, Aline Luiza; TRICHES, Rozane Marcia. Qualidade da alimentação escolar a partir da aquisição de produtos da agricultura familiar. Segurança Alimentar e Nutricional, v. 24, n. 2, p. 113-124, 2017.

IBGE – INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Total da População do Rio Grande do Sul, Censo 2010. Disponível em: <https://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/censo2010/tabelas_pdf/total_populacao_rio_grande_do_sul.pdf>. Acesso em: 20 jun. 2017.

KEPPLE, Ane W. O estado da segurança alimentar e nutricional no Brasil: um retrato multidimensional. Brasília: FAO, Relatório, 2014.

LOPES, Bruno de Jesus. Análise da implementação do Programa Nacional de Alimentação Escolar – Pnae a partir de instrumentos de avaliação de políticas e fiscalização de programas governamentais. Tese (Doutorado em Extensão Rural). Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, MG, 2017.

LOPES, Indaia Dias; BASSO, David; BRUM, Argemiro Luís. Cadeias agroalimentares curtas e o mercado de alimentação escolar na rede municipal de Ijuí, RS. Interações (Campo Grande), v. 20, n. 2, p. 543-557, 2019.

MACHADO, Patrícia Maria de Oliveira et al. Compra de alimentos da agricultura familiar pelo Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae): estudo transversal com o universo de municípios brasileiros. Ciência & Saúde Coletiva, v. 23, n. 12, p. 4153-4164, dez. 2018.

MALUF, Renato Sergio et al. Agricultura sensível à nutrição e a promoção da soberania e da segurança alimentar e nutricional no Brasil. Ciência & Saúde Coletiva, v. 20, n. 8, p. 2303-2312, 2015.

MARQUES, Amanda de Andrade et al. Reflexões de agricultores familiares sobre a dinâmica de fornecimento de seus produtos para a alimentação escolar: o caso de Araripe, Ceará. Saúde e Sociedade, v. 23, p. 1329-1341, 2014.

MELÃO, Ivo Barreto. Produtos sustentáveis na alimentação escolar: o Pnae no Paraná. Caderno Ipardes – Estudos e Pesquisas, v. 2, n. 2, p. 87-105, 2012.

MINAYO, Maria C. de Souza. Construção dos instrumentos e exploração de campo. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. São Paulo: Hucitec, p. 189-99, 2001.

NICOLETTI, Milenna Paiva. Análise da implementação do Programa Nacional de Alimentação Escolar – Pnae no município de Natal – RN a partir dos arranjos institucionais locais. Dissertação (Mestrado em Estudos Urbanos e Regionais) – Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.

RIBEIRO, Ana Lúcia de Paula; CERATTI, Silene; BROCH, Djulia Taís. Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae) e a participação da agricultura familiar em municípios do Rio Grande do Sul. Revista Gedecon – Gestão e Desenvolvimento em Contexto, v. 1, n. 1, p. 36-49, 2013.

RIPP, Rita Inês Paetzhold Pauli; DUTRA, Eduardo Gilvan. Manifestações concretas do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae) no município de Santiago – RS. Revista de Administração e Negócios da Amazônia, v. 9, n. 2, p. 83-103, 2017.

SCARPARO, Ana Luiza Sander; OLIVEIRA, Viviani Ruffo; BITTENCOURT Jaqueline Marcela Villafuerte; RUIZ, Eliziane Nicolodi Francescato; FERNANDES, Patrícia Fogaça; ZYS, Júlia Zanchetta; MOULIN, Cileide Cunha. Formação para nutricionistas que atuam no Programa Nacional de Alimentação Escolar: uma avaliação da efetividade. Ciência & Saúde Coletiva, v. 18, p. 1001-1008, 2013.

SOARES, Panmela et al. Potencialidades e dificuldades para o abastecimento da alimentação escolar mediante a aquisição de alimentos da agricultura familiar em um município brasileiro. Ciência & Saúde Coletiva, v. 20, p. 1891-1900, 2015.

SOUSA, Diego Neves; KATO, Hellen Cristina de Almeida; MILAGRES, Cleiton Silva Ferreira; FREITAS, Alexandre Aires. Organização social e produtiva de pescadores para agregação de valor do pescado em mercados institucionais. Revista Brasileira de Engenharia de Pesca, v. 11, n. 1, p. 85-96, 2018.

TRICHES, Rozane Marcia; CRUZ, Fabiana Thomé. As diferentes dimensões de uma alimentação escolar de qualidade. In: TEO, Carla Rosane Paz Arruda; TRICHES, Rozane Marcia (Orgs.). Alimentação escolar: construindo interfaces entre saúde, educação e desenvolvimento. Chapecó, SC: Argos, 2016.

TRICHES, Rozane Marcia; KILIAN, Leidi. Papel dos atores sociais na aquisição de produtos da agricultura familiar para alimentação escolar em municípios paranaenses. Redes (St. Cruz Sul, On-line), v. 21, n. 3, p. 159 - 179, set.-dez. 2016.

TRICHES, Rozane Marcia; SCHNEIDER, Sergio. Alimentação escolar e agricultura familiar: reconectando o consumo à produção. Saúde e Sociedade, v. 19, p. 933-945, 2010.

TRICHES, Rozane Marcia; SCHNEIDER, Sergio. Desestruturar para construir: interfaces para a agricultura familiar acessar o programa de alimentação escolar. Estudos Sociedade e Agricultura, v. 20, n. 1, 66-105, 2012.

TURPIN, Maria Elena. A alimentação escolar como fator de desenvolvimento local por meio do apoio aos agricultores familiares. Segurança Alimentar e Nutricional, v. 16, n. 2, p. 20-42, 2009.

Downloads

Publicado

2020-08-13